terça-feira, 24 de novembro de 2015

O zine "Presença Focada" lançado neste mês de novembro no FIQ, recebe sua primeira resenha, confira!

É muito gratificante alguém se interessar por nossas criações, e mais ainda quando as pessoas dedicam algo de mais precioso que existe - seu tempo- para apreciar e expressar o que achou de nossa obra! É com essa alegria que divulgo aqui o texto escrito pela artista Ludmila Resende sobre suas impressões do fanzine Presença Focada e HQcrônicas!
Destaco também as lindas fotos que ela fez e do desenho que ela coloriu, ficou muito lindo, gratidão! Apresento um trecho do texto:

"(...) É preciso ter bastante sensibilidade para captar estes sentimentos do estado de atenção plena no presente para descrevê-lo, e assim dá-se início à viagem introspectiva e existencial que passa por temas como solidão, ter/ser, espiritualidade, luz/sombra, amor romântico/auto-amor, Ego, arte, nossa origem cósmica, propósito de vida, e outros, sempre rumo à transcendência e à evolução. Recebi também a primeira edição das HQcrônicas, que são reflexões críticas e filosóficas da IV Sacerdotisa, que possui 8 páginas. O tema era ~traição~, e enquanto em uma página era descrita a problemática dita comumente pelas pessoas, em outra a autora dizia seu ponto de vista acerca do fato.

O Presença Focada é adornado com belas ilustrações de uma figura feminina em trajes étnicos, mandalas, símbolos místicos: fadas, sereias, dragões, luas, gato, etc. Um Universo mágico que atrai o olhar observador... As figuras são em preto e branco, o que faz parecer que trata de um livrinho de colorir, e por isto mesmo, decidi pintar um dos desenhos mais belos da obra.(...)"

Fiz capturas de tela dessa postagem linda:




Fico contente que meus escritos tenham te tocado, e com certeza você teve a sensibilidade para captar os principais aspectos tratados nas publicações. Agradeço também ter referenciado os links das publicações e da autora para caso alguém queira conhecer nossas obras.
Leia o texto na íntegra, no post:


Texto postado no Blog Nos Limites da Luz de Ludmila Resende.